Assertividade é coragem + consideração

O grande escritor Stephen Covey disse uma vez que a maturidade é o que nós podemos concluir como o cruzamento entre a coragem e a consideração, e também eu costumo dizer que isso tem a ver com a assertividade.

Por exemplo, uma pessoa agressiva é um alguém que tem coragem, mas não tem consideração. Ou seja, ela fala o que pensa, sem medo de colocar a opinião, mas não leva em consideração o que as outras pessoas irão sentir. E então por terem muita coragem, mas pouca consideração elas se tornam agressivas.

Ao contrário disso temos as pessoas passivas, que são as que têm muita consideração e pouquíssima coragem. Estas pensam tanto nos outros, se colocam tanto no lugar dos outros e assim não dizem o que pensam, não se dão o direito de dar opinião.

As pessoas dissimuladas, e até mesmo, às vezes, vingativas, são as pessoas sem coragem e sem consideração, e por isso agem de maneira dissimulada ou vingativa para derrubar os outros lá na frente sem que o outro perceba quem o derrubou.

Agora uma pessoa assertiva, ou como disse Stephen Covey, uma pessoa madura, é aquela que tem coragem e tem consideração, ou seja, é a pessoa que diz o que pensa, mas sempre com consideração, e assim sabe se comunicar e se relacionar bem com os outros com verdade e respeito.

Seja uma pessoa com assertividade, não deixe de opinar ou de falar a verdade por falta de coragem, mas saiba fazer isso com consideração e respeito às outras pessoas, pois é assim que age uma pessoa madura.

 

*Texto publicado originalmente no site Marcelo de Elias.

 

Continue no blog e veja outros conteúdos como esse!

E-book Mundo VUCA